sexta-feira, 11 de junho de 2010

Persons Unknow - Piloto

Primeiro de tudo, a sinopse, tal qual eu li lá no The Music Dude...

Na história, um grupo formado por sete pessoas acorda em uma cidade deserta. Sem qualquer lembrança de como chegaram ao local, eles começam a explorar a cidade, descobrindo que estão sendo observados por câmeras de seguranças. Agora o grupo precisa se unir para solucionar o mistério e conseguir escapar desta espécie de prisão.

De cara me lembrei de um dos meus filmes favoritos, "O Cubo". Claro que minhas expectativas estava quase no zero e o tédio quase no cem. Então, baixei, vi e agora comento.



Como já foi dito, pessoas sem nenhuma conexão própria, são drogadas e levadas para um hotel, em uma cidade fantasma, no meio do nada. Ninguém sabe por que está lá,  qual motivo do sequestro, ou mesmo, onde estão.

Os personagens são bem arquétipos de histórias que expõem essa situação. Temos a mãe/heroína que só quer rever sua filha (a mais próxima na foto); o cara misterioso/herói (sentado perto da primeira); o homem desesperado disposto à tudo (escorado na escada); o militar, que tenta manter o controle (do lado do desesperado, com uniforme e tudo); a nojentinha, egoísta e reclamona (escorada perto do elevador); o tio escrotão que só pensa em si mesmo. E um personagem com cara de loca, que, parece ter saído de um hospício (na escada, ao lado do militar).

No lado de fora, temos um jornalista intrigado com o desaparecimento da tal mãe.

Vou contar só um pedaço do episódio: eles saem do hotel onde estavam, e dois deles tentam escapar da cidade, caminhando, mas logo que se distanciam muito, acabam caindo inconscientes. E a mulher maluca conta como. Tã-dããããn.


Mas sério, agora. A série tem um piloto bem divertidinho, e deixa aquela "pulga na orelha" quando acaba, e já garantiu com que eu certamente assista toda a primeira temporada. Mas só quero ver quanto tempo a originalidade vai durar antes que a série seja cancelada e fique, como Flash Forward, no ingrato hal das que "queriam ser o novo Lost". mas no caso do FF, não tem nada de ingrato, não, a série era ruim mesmo.

De qualquer forma, já fica claro que "viajar é preciso", para explicar as estranhas coincidências e mesmo o que há de mais normal na série: a cidade fantasma e sua comunidade esquisita.

Não vou falar mais nada, se não estraga a surpresa de quem for assistir.

[DOWNLOAD]

3 comentários:

Édnei Pedroso disse...

Bah, arriscar depois de recém virar órfão de FF...vou fazer o seguinte: depois que tu assistir os primeiros 4 episódios, tu nos diz se vale a pena mesmo ou não, combinado?;-)

Abração.

sapao318 disse...

Opa...me interessei pelo tema!! vouver sim!! valeu o toque Banned!!

Ô Édnei...boa noite rapaz!! achei um cara que zerou ojogo do unicórnio robo...CARALHOMEU...tu tem que ver o que aconteceu com ocara!! vai virar post..com certeza!!

abração galera!!

BANNED disse...

beleza Édnei, faço um post mais pra frente, pra dizer se continua bacana ou não