terça-feira, 26 de outubro de 2010

The Walking Dead - ep. 01 temp. 01

Desde o início achei uma boa idéia transformar Walking Dead em uma série de televisão, tinha potencial, tinha tino comercial e tinha envolvimento do autor das hq's. Mesmo assim, adotei minha tática anti-decepção, e comecei a meditar para não criar expectativas. A meditação e a racionalidade foram pro cacete depois que eu vi o trailler com as primeiras cenas da série, mas até aí tudo bem, por que já tinha me provado que a coisa toda funcionaria.


Pra quem ainda não conhece, The Walking Dead nos conta a história do policial Rick Grimmes, que tenta manter vivo seu grupo de sobreviventes em meio à uma epidemia de zumbis. Além dos mortos andantes, o grupo tem que lidar com questões mais humanas, como manterem-se seguros de saqueadores, superarem diferenças entre si e continuarem mentalmente equilibrados.

No primeiro episódio, obviamente vemos o início de tudo. Rick acordando no hospital e se deparando com a nova realidade.E já de início, com a subtrama do dilema do Morgan, conseguiram me convencer de que havia um bom motivo pra se filmar The Walking Dead, um motivo melhor que só transformar quadrinhos em carne e osso; Realmente existem coisas importantes a serem acrescentadas e/ou modificadas na trama. 

Quem se ligar que camiseta é 
essa leva um cigarro velho.

Segundo o Sapão noticiou, os nerds gringos que puderam ver os dois primeiros episódios, reclamaram que havia muita violência. Pura besteira de gente politicamente correta; A série é violenta ? É! Mas toda violência é justificada e com propósito. Afinal, acho que o estranho vai ser se rolar um apocalipse zumbi pacifista um dia. 

Pra ser sincero, eu até achei que algumas cenas foram bem atenuadas, como, tiros de rifles que não explodem cabeças e coisas do tipo. Mas eu entendo, nem todos tem o nosso gosto refinado por miúdos de desmortos.


No fim das contas, a The Walking Fucking Dead é uma série que agrada aos leitores e não-leitores da epopéia kirkmaniana. O elenco todo parece ter nascido para interpretar seus papéis, agora só resta saber se todos interpretam bem, ou ficam melhor de boca fechada. 

PS: Três cenas incríveis; Rick apagando a zumbi da bicicleta (mérito do pessoal dos efeitos); Rick encurralado pelos zumbis na cidade (eu quase achei que ele ia pra banha mesmo) e a cena em que aparece o acampamento dos sobreviventes com o trailler do Dale.

PS2: Encontrei esse quizz sobre a hq, e acertei 8 das dez perguntas. Desafio vocês a me superarem!!

3 comentários:

zarpimpao disse...

po, a combinação "melhor historia de zumbis ja escrita" + atores FODAS que são a cara dos personagens + os zumbis mais bem feitos q eu já vi + sangue e tripas sem frescura, NÃO PODIA DAR ERRADO! mto foda, sempre botei fé nessa produção.

ps: concordo absolutamente qnt as 3 cenas memoravais!

Roger disse...

cara, eu achei a série bem dramática. em vários momentos é bem melacólica, assim como a HQ, aquela cena do negão na janela é foda nesse aspecto.

eu lembro quando toy story 3 saiu, que o gran lans na ner era falar que CHOROU COM O FINAL. se nego chorou com o final de TS3, vai se afogar com walking dead.

BANNED disse...

realmente o drama é um elemento muto bem trabalhado; logo agora já vai ter o lance Rick/Lori/Shane... vai ser bem interessante ver como vão abordar a situação.